quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Estória

Baseada nisto e ao falar com o Rui:
- Pronto, já comentei as mentiras. Cum caraças, se tivesse tempo fazia uma história.
Vá, têm mesmo que ler o post do Rui primeiro (façam esse esforço). :op

"Estava eu na rua a vender o meu haxixe já a ver ovnis por ter fumado tanto quando a PJ apanha-me, leva-me pro xilindró onde participei em torneios de artes marciais. Para conseguir livrar-me daquilo beijei um polícia, quando saí fui à igreja baptizar-me por me ter livrado daquela mas os meus pais tiveram que enganar o Padre. Chegado a casa, conto o que aconteceu à mulher que zangada deu-me uma porrada tal que partiu-me os 2 dentes da frente. No fim sou convidado pela universidade aberta pra dar aulas a contar a minha história."

E assim perde-se uma segunda Margarida Rebelo Pinto.

3 murmúrios:

Bruno Fehr 25 de fevereiro de 2009 às 10:40  

Ahahhahaha, eu também fiquei com a ideia de que a maioria se poderia ter dado no mesmo dia :)

Restelo 1 de março de 2009 às 19:16  

MRP versão chavy

PaLaH 16 de março de 2009 às 10:06  

Restelo: Tive dias a tentar descobrir o que era MRP!