quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Relatos duma faxineira

Começa sempre da mesma maneira:
- posso pedir um favor?
- diz...

E é aqui que vai tudo para aquele lugar (yeh, é para o caralho mesmo):

- podes lavar a loiça (tipo loiça de uma semana inteira e EU não como em casa);
- podes limpar a cozinha, tenho muito trabalho? (tem o caralho!!);
- podes dobrar a roupa que está no quarto (e são máquinas e máquinas de roupa e a minha roupa não está lá!)
Hoje, bem hoje ela decidiu ascender a um outro grau!
- podes limpar a casa toda? Amanhã vem um gajo fazer uma inspecção completa à casa.
Bem... E ela não pode, porque acordou à meia hora, porque tem de ir ao supermercado...
E eu, que adoro tudo o que limpezas, limpei o caralho da casa toda!
É, burra que só eu...

8 murmúrios:

João 27 de novembro de 2008 às 03:12  

Podes aparecer aqui no nº602, 3dt poente?

Traz uma vassoura.

Crest© 27 de novembro de 2008 às 03:48  

Já agora, há voos baratos para Hamburgo e eu fiquei sem empregada... Nao é que as autoridades me extraditaram a minha mulher a dias???? Agora as minhas camisas acumulam, já ando a comprar extra, para nao as ter de passar, ahahahahaha

skunk 27 de novembro de 2008 às 07:24  

O tempo que estás aí sentada a ler isto, fazes umas rotinas de 2ª a domingo, e colas no frigorífico. E no mínimo, se vai às compras perguntar SEMPRE se precisas de alguma coisa, mais que não seja por descarga de consciência. E ninguém tem assim tanto que fazer que não possa dispender de 1 horinha para ajudar a coleguinha.
Depois de fazeres as rotinas das faxinas, chapar com elas no frigorífico e tal, fazes uma tea party para 2 e explicas a situação: "amiguinha, a partir de hoje as coisas são assim para vivermos melhor. E eu agora tenho um compromisso inadiável, e nas rotinas diz que é o teu dia de lavar a louça e sei que posso contar contigo, xauxinho, goto muntu de ti"...e essas merdas e sais de casa e vais passear. Se não fizer as rotinas, nada de as fazeres no teu dia. Quando a pilha de pratos chegar ao tecto, levas amigos comuns a casa passando pelo frigorífico.

PaLaH 27 de novembro de 2008 às 17:00  

João e Crest: Se eu tivesse respondido aos vossos comentários ontem, a resposta seria mandar-vos para um lugar que eu cá sei... Mas como ja estou mais calma hoje a resposta é: €100 à hora + despesas de transporte!

Skunk: Eu sou mais radical nas minhas decisões e já estou à procura de casa nova. :op

Coisinhas Caseiras 27 de novembro de 2008 às 18:46  

Lol, finalmente... Tava a ver que essa ñ era a palah q eu conhecia...

Rui 27 de novembro de 2008 às 19:40  

Como é que ainda não a atiraste pela janela fora? Vives num rés-do-chão? :P

Crest© 30 de novembro de 2008 às 03:18  

100€? Acho que vou continuar a procurar empregadas vindas da Polónia :)

PaLaH 30 de novembro de 2008 às 03:26  

Rui: sou muito paciente... E se calhar muita parva
Crest: You better! ;op