quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

Novo trabalho

Comecei segunda em formacao! Simplesmente horroroso, so posso usar internet na hora de almoco e claro que nao tem acentos neste teclado! Sorry
Sabem aquelas cenas que costumam ler na cosmopolitan, tipo team meating, bussiness smart dress code, email para todos os departamentos, tretas dessas? Incluindo jogos estupidos, um ambiente de trabalho espectacular, hipotese de um bonus enorme no fim do mes e tal? Welcome to my life! hehehe

Read more...

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2008

A nudez pode ser uma coisa linda

Já falei aqui do Mr Jason Lewis e sempre o achei muito giro desde a participação no Sexo e a Cidade, mas agora passa na televisão um anúncio espectacular em que este senhor está lindo! Sendo que a pessoa continua desempregada até segunda-feira tem muito tempo livre e passa o dia a ver a carinha e o incrível corpo do Jason na tv...



E os anúncios com rapazinhos nus continuam. Mirem isto:

Read more...

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008

Begging you for mercy!

Adoro, adoro, adoro!

Read more...

domingo, 17 de fevereiro de 2008

Da amizade e outros demónios...

Hoje ao passar por um dos blogs que gosto de ler vejo isto lá escrito:
Tendo já passado pelo mesmo (fazerem-me esta pergunta), na altura a minha resposta foi a A), porque todos gostamos de pensar que somos compreensivos e tal. Quando a situação realmente aconteceu (quem diria?) obviamente que a minha reacção foi a B). E muito, muito, muito pior, claro...
Porque aquilo não é coisa que se faça à amiga, certo?
Mas a verdade é que agora eles parecem estar realmente infelizes e sem a minha contribuição, por isso sinto-me vingada.

Read more...

sábado, 16 de fevereiro de 2008

The One

Poderia dizer the One that got away, mas não. Foi o The One, que eu como estúpida, sent away.
Sei que será um post cheio de clichés mas para mim foi muito verdadeiro.
Era aquele que me amava incondicionalmente, e que eu amava incondicionalmente, aquele que era inteligente, engraçado, talentoso, que sempre que o via sentia aquela tal sensação no estômago, aquele que não era bonito mas que para mim era simplesmente lindo, aquele que não tinha nenhum sentido de moda e eu não me importava nada com isso, por causa dele o som dum certo instrumento musical nunca mais significou o mesmo para mim. Não o via muito mas quando isso acontecia cada minuto era aproveitado ao máximo. E eu decidi acabar por causa daquela coisa parva chamada orgulho.
E depois de alguns anos se o vejo ainda sinto aquela sensação cá dentro e ainda o procuro... Agora não em pessoa mas aqui na net. Ontem encontrei-o e está tão igual a si mesmo, continua feio e lindo para mim, continua a fazer as coisas que sempre gostou de fazer, e eu continuo a sentir-me tão estúpida como na altura.
Ainda penso imenso nele e muitas vezes pergunto-me se ele ainda se lembra de mim, se eu fui tão importante para ele como ele foi para mim...

Read more...

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008

Multi-inteligente!

Porque ser só inteligente já não se usa!

Click to view my Personality Profile page

Nota-se logo que sou uma pessoa muito ligada à natureza, muito virada para o próximo (not)... Pois...

Read more...

É prá menina

Olhó os meus sapatinhos novos!
Na são mai lindos?
Aos meus amigos do sexo masculino: Shut the fuck up! Vocês não percebem nada de sapatos.


Read more...

Here's looking at you, kid.

No trabalho dizem-me que não precisam mais dos meus serviços, no mesmo dia recebo uma chamada a dizer que gostaram da minha entrevista e que parece que tenho um emprego (sim, emprego, não é trabalho).
Bem, que seja sempre assim... Um a acabar e no dia seguinte mais um para começar.
Ontem, aquele dia buuuuunito dos namorados, fui ao cinema ver um daqueles clássicos que nunca tinha visto, Casablanca. Eu gostei mas não percebo a razão de estar sempre no topo de todas as listas de melhores filmes de todos os tempos... Claro que tem todas aquelas frases que se tornaram famosas como a do título do post, ou o "We'll always have Paris", "play it again Sam".
Ainda bem que na sala de cinema não havia nenhum daqueles casalinhos melosos, aliás a média de idades dos espectadores era mesmo muito alta. Eu tive a sorte íncrivel de ter ao meu lado uma louca que passou o filme todo a murmurar, a cantar, a tossir, a rir nas situações mais parvas... Enfim, uma alegria...

Read more...

terça-feira, 12 de fevereiro de 2008

Grammys

Oh oh, no one como tu! Mais, mais, Oh oh!

Aaaaaaahhhhhh está a doer!!


Tiraaaaaaaaaaaa!


  1. Ah pois, eu gostei dos Grammys, não posso é com a Alicia Keys!
  2. Não gostei muito de ver os presuntos (aka pernas) da Beyoncé.
  3. Afinal a Tina Turner está viva e parece que a Cher também.
  4. A Amy Winehouse ganhou tudo o que tinha a ganhar e eu devo ser a única pessoa que não gosta das músicas dela, e já que estamos numa de sinceridade também não gosto dela.

Read more...

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2008

Concertos

Concertos que adoraria ver e que espero ver um dia:
Disturbed

Dame Shirley Bassey
(esta mulher é um poder!)

Concertos impossíveis:

System of a Down

Queen


Read more...

Tv night

Hoje quando cheguei a casa do emprego (o primeiro dia correu muito bem e adorei o trabalho) liguei a televisão e estava a dar isto no ITV3! E sabem como às vezes ao revermos alguma série ou filme que adoravámos em criança, não percebemos porque é viamos aquilo? Com The Wonders Years isso não aconteceu, continuei a achar a série engraçada, doce e voltaram-me a vir lágrimas com algumas cenas.
Agora tenho que ir ver os Grammys (repetição, porque aquilo dá a horas indecentes).

Read more...

domingo, 10 de fevereiro de 2008

Um copo, dois copos, uma garrafa...

Bebedeira às 6 da tarde! Para mim é muito cedo!

O que vale é hoje não trabalho à noite! :op

Read more...

Eu narro, tu narras, ele narra...

Escrita como catarse...
Nunca me tinha acontecido.
Pergunta a quem tem blog: é muito mau derramar todos os meus pensamentos num blog?

Read more...

And that's the way it is...

Odeio quando todos os esforços que faço para ser e parecer forte não valem de nada perante o mais pequeno percalço, seja esse percalço uma rejeição (não lido mesmo nada bem com ela, por isso raramente coloco-me em situação de ser rejeitada, excepto agora esta fase de procurar emprego, já ouvi muitos nãos), uma reprimenda, uma crítica, às vezes uma pura constatação da realidade, uma não concretização duma expectativa, uma atitude que não esperava dum amigo...
Tudo é válido para o lençol de água começar a fluir...

Read more...

Markl

Gosto do blog, leio-o religiosamente todos os dias. Admiro o Nuno Markl como profissional, é dono duma criatividade aparentemente inesgotável, tem um humor nem sempre compreendido (acho que isso foi notório nas emissões da Operação Triunfo) e é capaz de uma entrega a cada causa a que se propõe que considero admirável.
Dito isto, não poderia deixar de mostrar os vídeos que conseguiram fazer-me rir depois da noite horrorosa que tive.

Read more...

3 dias e tantas experiências

Um dos posts que queria escrever sobre o meu antigo trabalho (hehe), era sobre as pessoas que lá trabalham:
- um rapazinho chamado Miles Peacock (sou só eu que acho o nome muito engraçado?),
- dezenas de indianos a quem não podemos sorrir porque interpretam o sorriso como um convite para fuck, depois falam entre si em indiano sobre a puta que eu devo ser só porque sorri,
- um afegão que me perguntou se eu tinha namorado, respondi que não tinha e não queria porque os homens só dão problemas e ele pergunta logo: you like women? As mulheres também só dão problemas,
- um português que me ajudou imenso mas que só tinha um dentinho na boca toda (dentinho esse muito preto!),
- outro português, chefe, uma simpatia, mas que me despediu, just doing his job,
- uma moçambicana com cara de indiana,
- uma checa, que era um alto coirão,
- dezenas de polacos, um deles não falava nada de inglês,
- e por último um polaco que me ofereceu boleia mas claro que com segundas intenções (obviamente que recusei).
Verdadeiramente um melting pot.

Read more...

Notícias fresquinhas

Já estava para falar disto à alguns dias mas fui sempre adiando, tinha vários posts em rascunho e para não variar faltava desenvolver. Como nos anúncios Nicola, hoje é o dia.
Arranjei trabalho, não a fazer o que quero mas simplesmente algo para receber algum dinheiro e não ter que depender dos amigos. Odeio o trabalho, é cansativo, é por vezes nojento, é à noite, 8 horas a trabalhar de pé e pagam salário mínimo (não, não é prostituição! Até porque foder de pé durante 8 horas deve ser muito pior do que o que faço).
Hoje pela primeira vez em 25 anos fui despedida e devido a um esquecimento estúpido... Quem me conhece sabe que eu sou a distraída-mor.
Por um lado fico contente por não ter que continuar a fazer aquele trabalho, por outro sinto-me humilhada por ter sido despedida, e a razão do despedimento não me ajuda a sentir melhor porque foi uma coisa tão parva. Mas a política da empresa é muito rigorosa, por isso e como diz o ditado, o que não tem remédio, remediado está.
A boa notícia é que já começo noutro trabalho segunda-feira, mais uma vez não é o que realmente quero mas está muito mais perto!

Read more...

sábado, 9 de fevereiro de 2008

Não tenho norte

Este título bem poderia ser o título da minha vida actualmente mas não, não estou a falar de metáforas.
Estou a falar mesmo do meu sentido de orientação. Se no funchal a máxima era "para baixo vai dar ao mar", aqui obviamente que não se aplica! Não há vale, não há montanha, não há mar e não há serra (esta foi uma pequena homenagem ao hino da Madeira... Parece-me que as saudades da ilha mais pequena estão a chegar...).
Não consigo orientar-me nesta cidade e apesar de já conhecer o centro às vezes ainda me perco em algumas ruas. Penso que estou a ir para baixo e afinal estou a ir para Norte, penso que se entrar nesta rua vou ter à tal rua e acabo num beco qualquer, se por acaso passo numa rua e só olho para a direita é mais do que certo que se eu voltar a passar lá e só olhar à esquerda não a reconhecerei... Para nem falar sobre atravessar passadeiras, os carros do lado errado (sim, do lado errado) da estrada, das vezes em que ao entrar num carro fui para o lado do condutor e da quantidade anormal de rotundas nesta cidade... Penso que a minha próxima aquisição será um gps.
Agora vou parar de reclamar...

Read more...

Recorde!


Read more...

Baaaaaaahhhhhhhhhhhhhhhhh

Susto, medo, horror, desapontamento!

Bon Jovi em Coventry (meia hora daqui) a mais de 100€ o bilhete mais baratucho...

Questões, dúvidas, decisões a tomar...
Provavelmente sai mais barato ir a Lisboa. Ir ao concerto é ponto assente! Onde não importa (só um bocadinho).
Oh pra ele tão sexy!

Read more...

E depois há dias...

...em que a pessoa identifica-se muito com esta música:

e pensa que ter um "gajo" em casa talvez não fosse má ideia, para receber um abraço apertado e quem sabe uma massagem depois de um longo dia (ou noite) de trabalho.
Naaa! Depois do abraço ele quereria sexo e se a pessoa já está mais morta que viva devido ao trabalho ele só iria piorar as coisas.

Read more...

terça-feira, 5 de fevereiro de 2008

These are a few of my favourite things...

Não temos continuação hi5 Music Challenge porque o meu blog preferido, por esta razão, está a publicar todos os post antigos e eu não me importo minimamente. É sempre bom recordar...

Read more...

domingo, 3 de fevereiro de 2008

Adele - Chasing Pavements

A minha última paixão musical:

Read more...

sábado, 2 de fevereiro de 2008

Hi5 Music Challenge II (e parece-me que teremos mais sequelas tipo Rocky)

I don't mean to brag, mas atentem nisto:



Yeh, I'm a Music Genius, thank ya very much (dito à Elvis)!

Eu sei que há muita boa gente por esse mundo com melhores pontuações que as minhas... Mas eles não são os "donos" do blog, por isso ide, ide...

Agora se fizermos as continhas a partir dos dados que estão ali em cima, temos portanto 900 perguntas respondidas a uma média de 3 segundos por resposta, perfaz um magnífico total de 2700 segundos, mais a espera de 3 segundos entre cada pergunta... Ah pois é, alguém tem demasiado tempo livre...

Read more...

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2008

Isn't it Ironic? Don't you think?

Your 1996 Theme Song Is: Ironic by Alanis Morisette


It's like rain on your wedding day
It's a free ride when you've already paid
It's the good advice that you just didn't take
Who would've thought ... it figures

So true, so true! Em 1996, ouvi o Jagged Little Pill non stop!

Read more...

An apple a day...

You Are an Apple

You are strong, powerful, and even a bit stubborn at times.You have enough strength to help those around you in trouble.
You are adventurous and charming. Many people are drawn to you.You love life, and you enjoy traveling the world. You enjoy fine food, art, and culture.
People have accused you of being a snob, but that's not accurate.You do enjoy the best things in life. Unlike snobs, you truly appreciate quality... not just pretend to.


Read more...

Mais Histórias de São Francisco

Graças a um amigo descobri à alguns aninhos atrás alguns escritores que se tornaram os meus favoritos. Um deles é Armistead Maupin.
Antes de vir para Leicester, passei na fnac para comprar um livro dele para a viagem. Escolhi o segundo da sua famosa série Histórias de São Francisco. Quando pedi ao rapazito o livro a primeira coisa que ele disse foi: esses livros são um pouco gay...


Eu acho que ele estava enganado. Os livros são bastante alegres!

Mas o livro é, tal como foi o primeiro, uma delícia, com muitas coincidências, algumas um pouco rebuscadas mas credíveis no universo de Maupin.

Read more...